quarta-feira, 17 de junho de 2009

Blogs e "blogs" - importando, observando e aprendendo

Estava cá pensando com meus botões sobre os blogs, esta ferramenta tão útil e acessível, que possibilita que qualquer pessoa possa ter sua página e publicar suas idéias na grande rede. Tenho pensando muito sobre o futuro desse canto, talvez em breve meus leitores tenham uma surpresa...
Pesquisando, fuçando, comentando em meus passeios pela blogosfera pude perceber a infinidade de temáticas, abordagens e usos que pode-se fazer de uma simples página como esta. Encontrei a figura acima em uma postagem do blog das GAROTAS QUE DIZEM NI (infelizmente aposentado atualmente), sempre que possível passo por lá pra matar a saudade, me divertir e também me inspirar, pois prezo muito pela construção de um estilo próprio de escrita. Em minhas andanças descobri que um texto como o da figura não é apenas uma sátira, mas uma realidade, neste ponto, surgem os adeptos da opinião clichê "maldita inclusão digital", mas eu ainda sou um daqueles que acredita que "o sol nasceu para todos"... Não nego que dei e dou boas risadas com o texto (longe de mim tal hipocrisia!, mas como amante e amadora da arte de escrever e principalmente como professora sei que, devido ao seu caráter também social,qualquer experiência em escrita é válida e só tem a acrescentar no desenvolvimento comunicativo de um sujeito. A sabedoria popular que tanto evoco aqui sintetiza muito bem toda a essência do problema em um ditado já batido, mas inegavelmente correto: É ERRANDO QUE SE APRENDE!

4 comentários:

serjao disse...

obrigado pela visita.
vou tentar diminuir os textos.

eu me empolguei.
rss

vou acompanhar o seu blog tbm.

Filhas da PUC disse...

Antigamente, o blog era usado meramente como um diário virtual. Lembro que as pessoas escreviam todos os dias e contavam suas histórias que, muitas vezes, pareciam repetitivas. Acho muito legal que, hoje em dia, o blog tornou-se uma ferramenta variadíssima. Diversos assuntos, incontáveis temáticas e por aí vai.
Ah, gostei muito da tua escrita. Mesmo, mesmo.

beijoca
Filhas da PUC

Novidade disse...

Muito bom, parabéns !

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

É muito louco se formos parar o que podemos fazer com a internet. Podemos aprender um pouco da obra de Machado de Assis, como também é possível aprender a construir uma bomba plástica, é possível aprender a fazer um macarrão alho e óleo (como foi o meu caso semana passada). A internet é um lugar totalmente democrático, e a blogosfera é a ferramenta revolucionária que todos precisávamos.
Eu conheço blogs excelentes, pessoas que realmente te algo a acrescentar (como é o seu caso, sem demagogia).
Eu também concordo com a teoria de que o sol deva nascer para todos e acredito que através de blogs conscientes, é possível mudar nem que seja um pouquinho nosso país e nossa realidade. Pelo menos é isso que espero!