terça-feira, 16 de junho de 2009

Quem desdenha...

Ora vejam só como são as coisas: a pessoa está ocupadíssima, finalmente encerrando mais um semestre da facul, praticamente nas últimas, ansiosa por ter que fazer recuperação de Sintaxe I, planejando antecipadamente algumas viagens, além das preocupações habituais de casa, então aparece um cidadão que mal lhe dirige a palavra, metendo-se a entendedor e crítico de blogs, e diz: "depois que você retomou o blog, tenho observado que as postagens estão diferentes, falta profundidade e blá bla blá..."
Eu não mereço tanto!
Fulaninho que eu nem sabia que visitava esta humilde página resolveu dar pitaco sobre o que escrevo, sendo que em nenhuma oportunidade comentou nem um "Oi" em tantos textos que já escrevi aqui! Esclarecendo: este é um blog pessoal, escrevo por que gosto e escrevo o que gosto, meus leitores e os desavisados que por aqui passam tem todo o direito de gostar ou não do que leem, e da mesma forma como respeito a opinião de todos espero que a minha seja respeitada! Não estou pedindo demais, nem pense que sua opinião é deveras importante para mim, pois sinceramente nem é. A vida acadêmica já é chata e cheia de análises profundas e cansativas, me reservo o direito de escrever sobre as coisas simples, humanas, sem sentimentalismo piegas ou cientificismo, apenas revelando um pouco da minha visão sobre esse mundo louco. Errôneo e tosco é usar SUA afinidade com o autor como critério para analisar determinada produção. Não gosta de mim, não respeita minha opinião nem quer realmente conhecer minhas idéias? Então nem perca seu precioso tempo nestas "inúteis" leituras. Como diz o velho ditado: "Quem desdenha quer comprar", pois desde Esopo sabemos que para quem não consegue atingir certo patamar "as uvas SEMPRE estão verdes."

Um comentário:

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Não tem coisa pior que ler, comentários desse tipo. Tem pessoas que só aparecem para criticar.
Mas como já diz o ditado: Quem está na chuva é para se molhar.
Por tanto nem ligo, quando alguém diz que eu sou de direita, que sou um burguês desinformado, que não olho para realidade desse país e etc...
Mas saiba que mesmo não tendo "profundidade" em seus textos, sou um leitor assíduo de seu blog!